CAMILA LORDY

Foto: Gabriela Bernd (2021)

Nasceu e vive em São Paulo, é formada em Composição e Regência, Faam-FMU, 2000. Fez graduação em História na USP e mestrado na linha de pesquisa em História e Cultura Social pela UNESP, 2021. É pianista, compositora, educadora e pesquisadora. Excursionou com a companhia do Teatro da Vertigem em festivais internacionais ­– Dinamarca, Colômbia, Rússia e Chile. Como pianista, gravou e participou dos trabalhos de diversos artistas nacionais, Simone Sou, Supla, Junio Barreto (PE), Marina Wisnick, Vanessa Bumagny, Lú Lopes. Com a Banda Glória, realizou uma turnê para Índia, 2009. Com Thiago Pethit apresentou-se em Buenos Aires, Lisboa e Paris. Acompanhou a cantora Fernanda Takai e realizou turnê no Japão, 2017. Há dez anos faz parte do projeto Música de Brinquedo da banda mineira Pato Fu.

Compôs a trilha para o telefilme “A Musa Impassível”, 2011, exibido na TV Cultura, a trilha  ao vivo para o filme “O Supersticioso”, IV Jornada Brasileira de Cinema Silencioso na Cinemateca Brasileira, e músicas para os espetáculos “As Roupas do Rei”, 2002, e “Luna Clara e Apolo 11”, 2005, da Companhia de teatro La Leche.

Há doze anos leciona na Escola de Música do Auditório Ibirapuera onde também é orientadora pedagógica. Desenvolveu o projeto “Som Protagonista, contos e lendas do mundo” a partir das experiências em sala de aula. Suas pesquisas buscam as intersecções entre a linguagem oral, a linguagem letrada e visual. Dedica-se a pensar os encontros entre os sons e as narrativas, a música e a história, os produtos e os processos que fazem da arte o resultado de uma experiência do seu tempo histórico. Com o companheiro, o iluminador Marcos Franja, tem uma filha chamada Laura.


O livro “Som Protagonista: contos e lendas do Mundo” está disponível para leitura nas plataformas: